Autor(a): Becca Fiztpatrick
Editora: Intrínseca
Páginas: 301  

Sinopse: 

Nora e Patch pensavam que seus problemas tinham ficado para trás. Hank estava morto, e seu desejo de vingança não precisava ser levado adiante. Na ausência do Mão Negra, porém, Nora foi forçada a se tornar líder do exército nefilim, e era seus dever terminar o que o pai começara - o que, essencialmente, significava destruir a raça dos anjos caídos. Destruir Patch. 
Nora nunca deixaria isso acontecer, então ela e Patch bolam um plano: os dois farão com que todo mundo acredite que não estão mais juntos, manipulando, dessa forma, seus respectivos grupos. Nora pretende convencer os nefilins de que a luta contra os anjos caídos é um erro, e Patch tentará descobrir tudo o que puder sobre o lado oposto. O objetivo deles é encerrar a guerra antes mesmo que ela venha a eclodir. Mas até mesmo os melhores planos podem dar errado. 
Quando as linhas do combate são finalmente traçadas, Nora e Patch precisam encarar suas diferenças ancestrais e decidir entre ignorá-las ou deixá-las destruir o amor pelo qual sempre lutaram,


Resenha:

São exatamente 20:17, do dia 29 de Julho de 2015, e há alguns minutos atrás eu virei a última pagina de Finale, último livro da série Hush, Hush e admito que estou segurando o choro, pois eu não acredito que acabou. Tipo...acabou, e eu quero mais! Não pode ser só isso! Sim, gente, eu estou naquele momento de luto de quando acabamos um livro ou uma saga/série/trilogia/blá,blá. Eu tô sofrendo muito e já avisei a minha mãe que minha vida acabou, e, não, não me chame de dramática.
Tá, agora vamos para a resenha, vou tentar com todas as minhas forças não dá um ataque durante ela.
Bem, Finale, já começa com outro ar, pois todos os acontecimentos de Silêncio, vão ter consequências. Primeiro temos o fato de que Nora agora é uma nefilim, e comanda o exercito do Mão Negra, conforme Hank à fez prometer, e descobrimos na série Hush, Hush que não se deve quebrar um juramento de sangue. Então, entramos nas questões que indicam que tudo daria errado, a)Hank planejou tudo, para haver uma guerra contra os anjos caídos, e os nefilins não mudariam sua opinião, e Nora tinha falado aos arcanjos que tentaria parar a guerra, b) ela namora Patch, um anjo caído, e isso não seria bem visto pelo exercito nefilim, e ela não conseguiria reverter a guerra, quebraria seu juramento, e bem, morreria. Então, logo percebemos que a vida de Nora não está sendo fácil, e ela ainda tinha que se privar de uns amassos com o Patch, porque o exercito teria que achar que ela não namorava mais com ele. Por isso, Dante, se torna seu suposto namorado, mas, sinceramente, nem parece, e todo mundo parece tá nem ai pra isso, pois a autora colocou essa estabilidade da reação de todos natural, o que eu achei muito bom. Nora começa a treinar e conhecer seu corpo ''novo'', enquanto alguns eventos se transcorrem, como ela ser sequestrada, intimidada, e essas coisas básicas da vida, que vão se interligando até tudo fazer sentindo e fazer aquele ''KABUM!" na sua mente.


Esse com certeza foi o livro que realmente me fez sentir raiva de Nora, me fazendo fechar o livro e desabafar o quanto ela era burra com a minha vó, só que toda essa burrice faz um certo sentindo. Primeiro, ela começa a ingerir as artes do mal, de um primeiro momento pela influência de Dante, que faz ela tomar sem ela saber o que realmente era, e num segundo momento, que eu não vou falar, que ela realmente se vicia, e vira algo como uma droga. E nesse situação, ela mente pro Patch, e eu quis atirar na testa dela! Em falar em Patch, o que dizer deste homem, ou melhor anjo caído? Sinceramente, com um homem desse eu desistia de tudo, por que é lindo a forma que ele trata ela, desde o ciúme cometido, a possessividade cometida, e o cuidado, e além de tudo o perdão, pois ele entende ela e quer ver ela crescendo, e (acredito que isso não seja mais spoiler, pois estamos no último livro!) por mais que ele não possa sentir ela, percebemos a necessidade que ele tem de estar ai, pois ele pode não sentir o tato, mas sente o que ela sente por ele. Sem falar que ele é um ponto crucial, em termos de ação, e nas ligações entre os dois mundos. Só que o incrível disso tudo, é porque realmente os problemas são da Nora, e ela passa por tantas coisas, sozinha, até fugir ou ser socorrida, mas diferente de muitos romances sobrenaturais, ela está lá na ação e enfrenta, não simplesmente só grita. E bem, os problemas são bem mais complexos, envolvendo os dois, mas de uma forma sendo mais firme num todo maior. E se você pensar, o Patch não tem muita relação com esses problemas, ele podia simplesmente pegar a moto dele e fugir. Nesse momento percebemos o quanto ele mudou e quanto a Nora é importante para ele.
Os outros personagens são de supra importância, e não vou falar quem, mas dois personagens me fizeram chorar, e ficar de coração partido. Mas pelo menos tudo acaba bem, e sim, eu posso dizer isso!  Os personagens secundários fazem toda a diferença na história, e tudo fica mais quadradinho. E como sempre, nunca sabemos em quem confiar, pois o personagem começa bom e depois fica ruim, ou começa ruim e fica bom. E nesse termo existe Marcie, que ó menina do meu ódio! Só atrapalha! Ela sim merecia um tiro na testa! Temos Scott, no qual criei uma grande afeição, amo ele eternamente, e temos Vee, que apesar de não aparecer tanto nesse livro, me emocionou e nos deu uma lição. Resumindo: foi lindo!

Realmente muitas reviravoltas ocorrem nesse livro, por isso estou tampando minha boca, mas com certeza vale a pena sofrer, pois é um livro fantástico. E eu queria comentar do final, que realmente foi um dos melhores finais que já li em relação a sagas, que me fez rir e ler mais devagar pois não queria chegar ao final do livro, e ele realmente estabelece uma relação de homem e mulher entre Nora e Patch, e vemos que eles não só apenas Nora ou Patch, eles são um complemento e só em pensar, quero chorar. 

Quotes:

''- Uma ruiva bonita, de preferência alta e magra, com pernas tão longas que nenhum homem consiga encontrar o fim. - Ele passou o dedo pela minha bochecha, então me retesei e me afastei.
- Não estou interessada - falei, bebendo um gole de Sprite, sem tirar os olhos do espelho atrás do bar. Deixei ansiedade suficiente transparecer em minhas palavras para chamar a atenção do homem. '' Pág 57 (EU AMO ESSA CENA)


''- Você está louca por mim.
- Preciso de uma dose de endorfina.
- E pra isso você tem que dar uns amassos em um galpão abandonado?'' Pág 39

''- Minha namorada quer sair com outro cara, nada demais" Pág 28

''- Desculpe o atraso - disse Vee - Nós acabamos, hã...
Ela trocou um olhar cúmplice com Scott, e os dois caíram na gargalhada.
- Nos distraindo - completou Scott, sorrindo.
Vee se abanou.
- Pode dizer isso de novo?'' Pág 175

"- Minha pele pode ser substituída. Mas você não, Anjo. Quando Dante saiu, pensei que fosse o fim. Achei que tivesse falhado com você. Nunca na vida rezei tanto. " Pág 224


"As lágrimas rolavam pelo meu rosto. Meu coração estava por um fio. A esperança a que eu me prendia eu me prendia se soltou, vagando à deriva, fora de alcance. Senti minha alma se estilhaçar, pedaços irreparáveis de mim, voando para longe." Pág 275


"- Você veste essas roupas para impressionar - falei, em tom de aprovação.
- Não, Anjo. - Ele se inclinou e mordeu de leve minha orelha. - Eu tiro a roupa para impressionar.'' Pág 301.


Nota: E finalmente chegamos ao fim de Hush, Hush. Me desculpem pela demora, quase 2 meses que essa resenha tá pronta, mas eu tive uns problemas e não consegui postar. Me desculpem novamente a minha ausência no blog, mas logo logo tudo vai se resolver. Espero que gostem, e leiam Hush, Hush. Beijos.

                                                                                    
                                   
 





3 Comentários

  1. Com o tempo e a demora dos lançamentos dos livros da serie, acabei parando e não li os dois últimos livros...mas agora...gezuis... Vou começar tudo de novo p relembrar e terminar nessa depre que eh inevitável p quem e fã da Becca.. Já estou sentindo o luto pq lembro a depre pos livro que senti quando terminei "Crescendo" !
    Ótima resenha...me fez ficar com vontade de concluir e reler a série! Parabéns !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Roberta, realmente a deprê pra quem ler a Becca é inevitável, fico muito feliz em saber que gostou da resenha, significa muito para mim, e que bom que ela fez você ficar com vontade de terminar essa série maravilhosa.
      Beijos e volte sempre.

      Excluir
  2. Com o tempo e a demora dos lançamentos dos livros da serie, acabei parando e não li os dois últimos livros...mas agora...gezuis... Vou começar tudo de novo p relembrar e terminar nessa depre que eh inevitável p quem e fã da Becca.. Já estou sentindo o luto pq lembro a depre pos livro que senti quando terminei "Crescendo" !
    Ótima resenha...me fez ficar com vontade de concluir e reler a série! Parabéns !

    ResponderExcluir