Há algumas semanas, uma amiga chegou com ''Veneno" e eu simplesmente me apaixonei. "Veneno'' faz parte da ''Saga Encantadas'' que em três livros, trás três dos maiores contos de fadas de uma forma totalmente diferente. Como boa fã de contos de fadas, principalmente aqueles que não tem todo o esteriótipo dos ''felizes para sempre'', me apaixonei. Lógico que não posso deixar de falar das capas, que chamam atenção por sua forma trabalhada e sua arte, que fazem nossos olhos brilharem. É, me apaixonei também pelas capas! É impossível não se apaixonar. 
       Mas vamos ao que interessa. O que o livro trás? De novo? Só pela sinopse você já vai perceber.  


Definitivamente esse livro tem que está na minha estante (se eu tivesse uma). Ao fato de ser uma oncer (fã da série de TV: Once Upon a Time), adoro ver o lado dos vilões e que sim, eles tem seus motivos, ninguém simplesmente nasce mal. ''Veneno'' conta a história da Branca de Neve, que nesse livro, não parece ser tão meiga quanto nos contos, e a nossa madrasta, pode não ser tão má assim. Se alguém quiser me mandar o livro, bem, não serei mal educada de recusar. 


Sinopse: Sexy, sarcástico e de prender a respiração!Para os fãs de Once Upon a Time e Grimm, Veneno é a prova de que contos de fadas são adultos! Não existe "Felizes para sempre"! Você já pensou que uma rainha má tem seus motivos para agir como tal? E que princesas podem ser extremamente mimadas? E que príncipes não são tão encantados e reinos distantes também têm problemas reais? Então este livro é para você! Em Veneno, a autora Sarah Pinborough reconta a história de Branca de Neve de maneira sarcástica, madura e sem rodeios. Todos os personagens que nos cativaram por anos atrás estão lá, mas seriam eles tão tolos quanto aparentam? Acompanhe a história de Branca de Neve e seu embate com a Rainha, sua madrasta. Você vai entender por que nem todos são só bons ou maus e que talvez o que seria ''um final feliz'' pode se tornar o pior dos pesadelos! Veneno é o primeiro da trilogia Encantadas, e já é um best-seller inglês.
Sara Pinboroung coloca os contos de fadas de ponta-cabeça e narra histórias surpreendentes que a Disney jamais ousaria contar. Com um realismo cínico e cenas fortes, o leitor será levado a questionar, finalmente, quem são os mocinhos e quem são os vilões dos livros de fantasia! Palavra da editora: Veneno é um livro tenro como uma maçã envenenada. Belo como os vilões costumam ser. Sarcástico como príncipes mimados. E sem finais felizes porque já estamos bastantes crescidinhos! (E, ainda assim, é um dos finais mais chocantes da ficção atual!) Para fãs de séries de TV e histórias picantes e divertidas, Veneno é puro entretenimento! - Mariana Rolier.  





Cinderela, não! Passei a minha vida toda te amando e agora você não passa de uma menina egoísta? Sarah, destruiu minha infância. É, eu amo a Cinderela! Mas em Feitiço parece que tudo o que vou sentir vai ser nojo da minha adorada Cinderela. Nada mais real, do que mostrar o reflexo de algumas mulheres, homens, da atualidade em uma história tão glorificada. Aceito doações.  


Sinopse: Cuidado com o que você deseja! Para fãs de Once Upon a Time e Grimm, a série Encantadas prova que contos de fadas são para adultos! Você se lembra das histórias da Cinderela, com sua linda fada madrinha, suas irmãs feias e um príncipe encantado? Então esqueça essa história, pois nesta releitura de Sarah Pinboroungh  ninguém é o que parece. Em um reino próximo, a realeza anuncia um baile que encontrará uma noiva para o príncipe e parece que o desejo de Cinderela irá ganhar aliados peculiares para ser realizado. Contudo, não será fácil: ela não é a aposta de sua família para esse casamento real, e sua fada madrinha precisa de um favorzinho em troca de transformar essa pobre coitada em uma diva real. Enquanto isso, parece que Lilith não está muito contente com os últimos acontecimentos e, ao mesmo tempo em que seu reino parece sucumbir ao frio, ela resolve usar sua magia para satisfazer suas vontades. Feitiço é o segundo volume da trilogia iniciada com Veneno, um best-seller inglês clássico e moderno ao mesmo tempo em que recria personagens mais famosos dos irmãos Grimm com personalidade forte, uma queda por aventuras e, eventualmente, uma sina por encrencas. Princesas, rainhas, reis, caçadores e criaturas da floresta: não acredite na inocência de nenhum deles! Palavra da editora: Nada é o que parece no segundo livro da saga encantadas! Em Feitiço, Cinderela, com seu desejo desmensurado de fazer parte da realeza, fará qualquer coisa para obter a atenção do príncipe. Mas seria mesmo este um final feliz? - Mariana Rolier




Poder, é o último livro da trilogia, trazendo dessa vez a história da Bela Adormecida (nada haver com a gente, né?). Nesse livro, parece que vai focar, em que um príncipe pode ser nada encantando, na história do reino adormecido (moramos lá), e os motivos que levaram aparentemente uma adorável rainha ao profundo sono. Já amei, pois onde tem Malévola, tem poder, luxo, pancadaria etc. Não sei mais o que colocar aqui pra pedir o livro! Ajudem uma pobre necessitada por livros, façam uma vaquinha, sejam solidários e ajudem o próximo. 

Sinopse: Acordar uma princesa pode ser letal. Para fãs de Once Upon a Time e Grimm, a série Encantadas prova que contos de fadas são para adultos! Quando um príncipe mimado é enviado pelo seu pai para tentar desvendar os mistérios de um reino perdido, ninguém imagina os perigos que ele encontrará pela frente! Acompanhado da figura sóbria e sagaz do Caçador e de Petra, uma jovem valente que possui uma ligação muito forte com a floresta, o príncipe acaba encontrando um reino adormecido por uma estranha magia. Todos os seres vivos foram cercados pela densa mata e estão dormindo, em um sono pesado demais, que só poderia vir da magia. Mas que tipo de bruxaria assolaria uma cidade inteira e seus habitantes? E, principalmente, quem faria mal a uma jovem rainha tão boa e tão bela? A não ser, claro, que os olhos não percebam o que um coração cruel pode esconder...Poder é o terceiro volume da trilogia Encantadas, e traz como histórias principal o conto da Bela Adormecida. Porém, esqueça os clichês tradicionais e se entregue a uma nova visão dos contos de fadas, em que heróis e anti-heróis precisam se unir para perceber à beleza superficial de princesas e rainhas egocêntricas e aos príncipes em busca de aventuras.
                                                                      

                                                                      


Deixe um comentário